A CARREGAR

Escreva para Pesquisar

Compulsão Alimentar: o que é, causa e sintomas

Partilhar

Todos nós já comemos em excesso em algum momento da nossa vida. Mas a compulsão alimentar é distinta dos excessos que podemos cometer esporadicamente. Uma compulsão alimentar envolve comer regularmente uma quantidade exagerada de comida num curto espaço de tempo. VillaRamadas pode ajudá-lo a perceber se apresenta uma perturbação de ingestão alimentar compulsiva.

A Perturbação de Ingestão Alimentar Compulsiva pode afetar tanto homens como mulheres, podendo surgir em qualquer momento. No entanto, a tendência é que surja em idades mais jovens, mas a perturbação alimentar pode durar uma vida.

Neste artigo vamos procurar explicar um pouco melhor em que consiste a compulsão alimentar, o que pode levar ao seu surgimento e como detectá-la. Nem sempre é fácil, mas há formas de tratar e lidar com ela e VillaRamadas está aqui para ajudá-lo.

O que é compulsão alimentar?

Podendo ser conhecido como compulsão alimentar ou Binge Eating, a Perturbação de Ingestão Alimentar Compulsiva é uma patologia grave. Derivada de fatores psicológicos e/ou psiquiátricos, a compulsão tem um impacto negativo no corpo. Em causa fica o estado físico e mental da pessoa afectada pela perturbação.

A compulsão alimentar é caracterizada pela ingestão exagerada de alimentos. A maior parte das vezes, este tipo de episódios decorre sem que exista a presença de fome ou necessidade física do alimento.

Binge Eating
© Spencer Davis/Unsplash

Se não detectada a tempo, a compulsão alimentar pode levar a pessoa a problemas de saúde como diabetes ou problemas cardiovasculares. O comportamento típico de alguém com compulsão alimentar é ingerir demasiada comida, sem controlo. A anorexia ou a obesidade podem surgir muitas vezes como consequência.

Quais os fatores que podem estar na base da compulsão alimentar?

Alguns fatores que podem estar na base da compulsão alimentar:

  • Comentários negativos sobre o corpo, de uma forma regular;
  • Falta de autoestima;
  • Depressão;
  • Situações de luto;
  • Ansiedade;
  • Violência física ou psicológica;
  • Falta de estabilidade emocional, social e até física;
  • (nalguns casos) Gravidez.
Distúrbio Alimentar
A compulsão alimentar evidencia uma má relação com a comida mas também com o próprio corpo e autoestima © Tamas Pap/Unsplash

Estes fatores podem originar compulsão alimentar mas também outras perturbações alimentares. É por isso importante fazer o diagnóstico correcto junto de um profissional. Em VillaRamadas podemos ajudá-lo, contacte-nos.

Sintomas de compulsão alimentar

Ainda que possam não ter noção de que sofrem de um distúrbio alimentar no início, há alguns sintomas que cedo se revelam. O primeiro, possivelmente transversal a muitos, é quando a alimentação se torna um assunto tabu.

Na compulsão alimentar, o consumo excessivo de comida é feito, mas nunca mencionado pela pessoa que sofre. E muitas vezes a pessoa tende a negar quando confrontada com a situação (em particular se desenvolver mais tarde outro distúrbio alimentar). Assim, enumeramos alguns sinais de que a compulsão alimentar pode ser um problema:

  • Comer demasiado rápido e muita quantidade;
  • Recusa em lidar com as situações de stress, refugiando-se na comida;
  • Comer mesmo sem fome;
Distúrbio Alimentar
Neste tipo de perturbação alimentar significa a pessoa não sabe quando parar, mesmo quando o corpo não pede mais © Helena Lopes/Unsplash
  • Comer após estar saciado e em quantidades sempre exageradas;
  • Comer sozinho(a) ou escondido das outras pessoas;
  • Sentimento de tristeza ou de culpa após episódios em que se comeu demais.

Como controlar e tratar a compulsão alimentar

A compulsão alimentar, deve ser controlada e tratada, mas por uma equipa especializada para tal. Sendo complexa, uma perturbação alimentar deverá envolver uma equipa multidisciplinar, incluindo médicos, psicólogos, enfermeiros, entre outros.

Claro que, antes de mais nada, é necessário reconhecimento do problema por parte de quem sofre a compulsão alimentar. É importante controlar a compulsão alimentar numa primeira fase e depois aprender como lidar com ela.

Nas clínicas de tratamento de VillaRamadas temos profissionais aptos a intervir corretamente numa perturbação de ingestão alimentar compulsiva. Podemos ajudá-lo a retomar uma vida mais equilibrada e assente numa mudança saudável. Contacte-nos para saber como o podemos ajudar.

Tags:

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos obrigatórios estão marcados com *